PRÊMIO AMO ESPORTE • MELHOR JORNALISTA ESPORTIVO - OS FINALISTAS!

A Amo Esportes Fair e a Pluri Consultoria vão coroar o trabalho de profissionais ligados ao esporte que mais se destacaram em suas atividades ao longo de 2019 com o Prêmio AmoEsportes. Na categoria “Melhor Jornalista Esportivo”, são finalistas:

• Eric Faria
• Gabriela Moreira
• Luiz Penido
• Mauro Cezar Pereira
• Paulo Vinícius Coelho

A cerimônia de premiação do evento acontecerá no dia 15 de fevereiro, às 20h, no palco central da AmoEsportes Fair 2k20 em Curitiba. Acesse a lista dos indicados em todas as categorias no site www.amoesportesfair.com.br.

 

CONGRESSO ACEB SERÁ PARTE INTEGRANTE DE FEIRA DE ESPORTES



O Congresso da ACEB - Associação de Cronistas 
Esportivos do Brasil - em 2020 promete ser o de maior
repercussão na história do jornalismo esportivo.
Será realizado em Curitiba, de 14 a 16 de fevereiro,
como parte integrante da Amo Esportes Fair 2K20,
a primeira feira de interação de esportes do Brasil.
A feira Amo Esportes Fair 2K20 vai debater temas
ligados a 7 segmentos do esporte: jornalismo, medicina,
nutrição, marketing, fisioterapia, preparação física e direito.
Cada um deles foi entregue a um parceiro, que vai realizar
um meeting de palestras, debates e workshopse o meeting de
jornalismo esportivo será promovido pela ACEB.

Os temas selecionados pela diretoria da ACEB foram:
  • Os rumos da Seleção Brasileira rumo à Copa de 2022;
  • O futebol feminino no Brasil e a mulher no jornalismo esportivo;
  • Olimpíada e Paralimpíada de 2020: as aspirações do Brasil para Tóquio.
  • VAR: as mudanças na arbitragem do futebol;
  • Mídias digitais: os novos caminhos da comunicação;
  • Direitos de transmissão: as transformações no modelo tradicional de ver futebol;
  • Os desafios da crônica esportiva: credenciamento e cobrança de direitos.
Congresso ACEB 2020: 
fique ligado no jornalismo de uma nova era.

Conheça os indicados ao Prêmio AmoEsportes 2k20

 

 O Prêmio AmoEsportes vai coroar, durante a Amo Esportes Fair, o trabalho de profissionais ligados ao esporte que mais se destacaram em suas atividades ao longo de 2019. A escolha dos candidatos levou em consideração a capacidade que tiveram para desenvolver e implementar estratégias eficientes para as instituições às quais eles atuam.

A lista foi divulgada nesta segunda-feira (06/01) pela organização, em 12 áreas. Agora, os jurados escolherão um vencedor dentre os cinco concorrentes em cada categoria.

A cerimônia de premiação do evento acontecerá no dia 15 de fevereiro, às 20h, no palco central do Pavilhão dos Esportes na AmoEsportes Fair 2k20 em Curitiba.

Além dos premiados em cada categoria, o grande homenageado da Feira será o boxeador Éder Jofre, que receberá o grande prêmio de honra “Amor ao Esporte 2020”.

 

Confira os concorrentes em cada categoria:

• MELHOR JORNALISTA ESPORTIVO: Eric Faria, Gabriela Moreira, Luiz Penido, Mauro Cezar Pereira, Paulo Vinícius Coelho

CLUBE DE FUTEBOL COM MELHOR GESTÃO: Bahia, Flamengo, Fortaleza, Grêmio, Athletico Paranaense.

MELHOR DIRIGENTE DE CLUBES: Guilherme Bellintani (Bahia), Rodolfo Landim (Flamengo), Marcelo Paz (Fortaleza), Romildo Bolzan (Grêmio), Mário Celso Petraglia (Athletico Paranaense).

MELHOR EXECUTIVO DE FUTEBOL DE CLUBES: Diego Cerri (Bahia), Bruno Spindel (Flamengo), Klauss Camara (Grêmio), Rodrigo Caetano (Internacional), Thiago Scuro (Red Bull Bragantino)

MELHOR EXECUTIVO DE MARKETING: Lênin Franco (Bahia), Maurício Portella (Flamengo), Márcio Persivo (Fortaleza), Beto Carvalho (Grêmio), Mauro Holzmann (Athletico Paranaense).

MELHOR CAMPANHA/AÇÃO DE MARKETING ESPORTIVO: Grêmio : Lançamento do Hotel oficial do Clube; Fortaleza (linha popular de camisas e ação antipirataria); São Paulo FC + Banco Inter (300 mil correntistas são-paulinos); Vasco da Gama (campanha de sócio-torcedor); Guaraná Antarctica (Seleção Feminina é #coisanossa).

• MELHOR AÇÃO SOCIAL: Bahia (Dedo na ferida /racismo); Bahia (Em nome do filho - reconhecimento de paternidade); Bahia (Me deixe torcer - assédio contra as mulheres); Corinthians (homenagem e memória às vítimas do holocausto); Fortaleza (Setembro Amarelo)

MELHOR INICIATIVA DE FUTEBOL FEMININO: Corinthians, Ferroviária, Iranduba, Avaí Kindermann, Contratação de Pia Sundhage para a Seleção Brasileira

MELHOR GESTÃO DE LIGAS E CONFEDERAÇÕES: Liga Nacional de Basquete, Confederação Brasileira de Atletismo, Confederação Brasileira de Rugby, Confederação Brasileira de Tênis de Mesa, Confederação Brasileira de Vela

MELHOR DIRIGENTE DE LIGAS E FEDERAÇÕES: Mauro Silva (FPF), Aline Pellegrino (FPF), Sérgio Domenici (LNB), Luciene Resende (CBG), Mizael Conrado (CBP)

MELHOR PROFISSIONAL DE DIREITO DESPORTIVO: Luiz Marcondes, Renato Renatino Pires Ferreira Santos, Mariana Chamelette, Felipe Augusto Loschi Crisafulli, André Gribel

MELHOR PROFISSIONAL DE SAÚDE DESPORTIVA: Marcio Tannure, Thiago Monteiro, Paulo Muzy, Rodolfo Peres, Eduardo Takeuchi

CBF não vai cobrar direitos de emissoras de rádio

A ACEB acaba de dar um ponto final no assunto sobre a possível cobrança de direitos de transmissão das emissoras rádios no futebol Brasileiro. Em reunião na CBF, o presidente Rogério Caboclo foi taxativo: "Não é pauta da CBF, nunca foi". A diretoria da ACEB, esteve presente na sede da CBF na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro com o presidente Márcio Martins, o 1º vice-presidente Isaías Bessa, o diretor financeiro e presidente da ACERJ Eraldo Leite e o diretor Erick Castelhero, presidente da Aceesp. Pela CBF participaram do encontro o secretário-geral Walter Feldman, o diretor de comunicação Douglas Lunardi, o vice-presidente jurídico Carlos Eugênio Lopes e o diretor de competições Manoel Flores. "O rádio sempre foi um grande divulgador do futebol, veículo de capilaridade daquilo que é nossa paixão nacional" declarou Rogério Caboclo, endossado por Walter Feldman, colocando um ponto final nas especulações que consideraram infundadas.

Foi de fundamental importância a presença, na visita, do Senador Álvaro Dias, que veio de Brasília especialmente para este encontro. Ele é o autor da Lei 12.395/2011 que protege as emissoras de rádio desta cobrança.

 

ACEB ENDOSSA ATITUDE DA ACERJ

A Associação de Cronistas Esportivos do Brasil - ACEB - se une à manifestação de discordância, feita por sua filiada ACERJ, a respeito das declarações do ex-atleta Juninho Pernambucano sobre repórteres setoristas. A ACEB endossa, na íntegra, o teor da nota da ACERJ, que segue reproduzida abaixo.

"A Associação de Cronistas Esportivos do Rio de Janeiro (ACERJ) discorda veementemente das opiniões emitidas pelo ex-jogador e atual comentarista esportivo Juninho Pernambucano, nas quais critica a atuação de repórteres - sejam eles setoristas ou não - lançando denúncias de suposto envolvimento com dirigentes de clubes, questionando caráter e falando em "prostituição". Se Juninho tem alguma acusação a fazer, que cite nomes, apresente provas e responda por isso - sem generalizar toda a classe. Este ex-jogador não tem formação jornalística para saber o que é a apuração de uma notícia e não pode tentar enlamear toda a categoria, da qual pretende ser integrante. Juninho ainda reforça seu desconhecimento na área ao tentar tratar o setorismo de clube como condição menor na classe. Reduzir a discussão à diferença salarial entre jogadores e jornalistas é ignorar a capacidade intelectual dos profissionais envolvidos. Se Juninho se expressou mal, que venha a público se explicar. Caso contrário, terá o repúdio dos verdadeiros jornalistas. 

Diretoria da Acerj"